Especial Lee Min Ho – The Heirs

, Series

 

Annyeohaseyo!

olá!

 

Hoje vamos falar de um drama que amei assistir. Transmitido em 2013 pela SBS, traz nomes bem conhecidos no elenco, mas como estamos fazendo um especial apenas com dramas onde o nosso Oppa maravilindo Lee Min Ho atuou como protagonista. Então, vou tentar focar nele em todo esse post.

Visto que ele já está no exército e não o teremos por uns dois anos… #choremos

Vem tentar matar a saudade com esse especial que nós aqui do TMLQA preparamos.

 

Links dos posts.

 

Legend of the Blue Sea

 →Personal Taste

Boys Over Flowers

 

Então, vamos lá!

 

 

‘’ Kim Tan mora nos EUA e é herdeiro de um dos homens mais ricos da Coreia. Cha Eun Sang mora na Coreia e tem uma vida difícil, tendo que manter vários empregos a fim de se sustentar e ajudar a mãe. Quando Cha Eun Sang vai aos EUA encontrar a irmã, eles acabam se esbarrando, no que parece ser um pequeno sonho na vida de Eun Sang. De volta à Coreia, o destino tratará de uni-los novamente em uma história que, além disso, mostra a vida, os amores e os aprendizados dos grandes herdeiros dos milionários da Coreia que frequentam o Colégio Jeguk.’’

Lee Min Ho interpreta o Kim Tan, um jovem de família tradicional e muito rica sul coreana, dona do Jeguk Group, por não ser um filho legítimo ele é tratado com indiferença por seu meio irmão mais velho Kim Won (Choi Jin-Hyuk), que coordena toda a riqueza já que seu pai está muito doente.


Enviado para os Estados Unidos com a desculpa de ir estudar, ali se tornou noivo de Rachel Yoo (Kim Jin-Won), de quem não gosta e por ser um noivado arranjado ele se sente preso a ela.

Ah! sim, vocês vão ver o Lee surfando, ou tentando, né !? Achei uma graça. rsrs!

 

Ainda nos Estados Unidos ele se depara com a jovem Cha Eun-sang interpretada por Park Shin-Hyen, uma garota muito esforçada que foi em uma viagem a procura de sua irmã mais velha Cha Eun-seok (Yoon Jin-seo) e acaba se metendo em muita encrenca até encontrá-la, e descobrir que ela não está tão bem como sua mãe lê nas mensagens enviadas por ela. Deu uma raivinha dessa irmã da Eun-sang.

Bem, já podemos imaginar que essa história que não começou muito bem, além de piorar só vai nos cativar ainda mais.

Já na Coreia os dois têm um reencontro bem inusitado.

Cha Eun-sang e a mãe estão morando na casa dele… é, por ter perdido todo o dinheiro que tinham por ter enviado para a filha mais velha lá nos EUA, perderam a casa, e como a mãe dela já trabalhava como governanta para a família dele a muito tempo, então elas foram morar na casa dos poderosos.

A Eun-sang dá um duro danado em vários empregos para poder se sustentar também, e é em um desses empregos que ela conhece o Choi Young-do (Kim Woo-bin) meu amorzinho ♥.♥ um jovem dissimulado e também um futuro CEO dessa vez do grupo Zeus Hotel, que é chefiada por seu pai um homem rígido e impiedoso que o trata com frieza, despertando o seu lado bad boy valentão.

Sem saber os três se envolvem em um triângulo amoroso, e, isso faz com que o Kim Tan e o Young-do que um dia já foram amigos fiquem ainda mais distantes.

O drama conta ainda com a participação dos atores.

Kang Min-Hyuk como Yoon Chan-young amigo de infância da Eun, é filho de um secretário do group jeguk, que namora a ciumenta Lee Bo-na (Krystal Jung).
Park Hyung-sik vivendo o descontraído e animado Jo Myung-Soo que não quer se envolver com os negócios da família e tenta viver de festas e noitadas, junto com o amigo Choi Young-do.
E por último e não menos importante o Kang Ha-Neul interpretando o Lee Hyo-shin um confuso garoto que tenta tomar seu próprio caminho na vida, por não aguentar a pressão dos pais.

O romance é bem bonito e ingênuo eles protagonizam uma série de cenas marcantes e bem emocionantes, e posso dizer que algumas são até engraçadas. Já que as cenas de beijo e Park Shin-Hyen não se dão muito bem, né!? rsrsrs!

Em meio a tantas mudanças e problemas que acabam refletindo no relacionamento do casal, as ceninhas que não podem faltar acontecem, namora/separa, volta/briga e separa novamente … Esses incidentes não podem faltar em nem uma boa história asiática. #EitaClichêzão

Conforme os personagens vão se destacando suas histórias vão sendo contadas e vamos percebendo o porquê de cada atitude.

Além dos problemas vividos na passagem para a vida adulta, eles ainda têm que lidar com a forma de pensar de cada família, e em certos momentos perceber que o dinheiro e poder nem sempre os levará a felicidade.

Sabe um drama que te envolve, te faz torcer e se emocionar, até a OST é maravilhosa e não desgruda dos seus ouvidos, pronto, esse é um deles.

 

 

Amei assistir e acompanhar a vida dos herdeiros sul coreanos. rsrs! Espero que ele seja assim para você também.

 

Até a próxima!

 

 

Lista de comentário

  • Pingback: K-Drama: The Entertainer – TMLQA

  • Aline Dayane 21 / 05 / 2017 Reply

    Que bom que gostou… kkkkk
    Bem isso mesmo, enquanto escrevia lembrei de tudo e essa sensação é muito boa.
    Obrigada! :*
    Verdade a OST é perfeitaa! ♥♥

  • Yoon Sik Ah 20 / 05 / 2017 Reply

    Socorooooo!!! Ahhhh!!! parece até que eu escrevi esse post kkkkkkkkkk
    Aline, senti uma vontadinha de te dar uns tapas quando chamou Kim Woo-bin de “meu amorzinho” 😒 (vamos ter que dividir).
    PS¹: Acho que Park Hyung-sik estava em treinamento para ser o “Min Min” de Strong pq as atitudes do personagem dele são exatamente iguais em Strong.
    PS²: Ri muito com algumas cenas do acampamento, quando alguns personagens fingem estar em cenas de filmes clássicos.
    PS³: Esse shippe duplo está acabando com a minha vida. Tá osso esses últimos episódios, não sei mais pra quem torcer oh sofrência.

    Que ost maravilhosaaaaaa 💞

Deixe uma resposta