Resenha: O Silo – Hugh Howey

, Livros

Livro: O Silo

Autor: Hugh Howey

Editora: Intríseca

Ei, lovelies. Espero que estejam todos bem.

Dei uma sumidinha, mas hoje retorno com uma resenha daquelas bombásticas, que foi pedida pela leitora Débora Montalvão (Beijos, Deinha). Isso mesmo, aceito sugestões de resenhas pra fazer aqui. Inclusive, se quiserem dar uma olhada na minha estante no skoob pra terem noção do que pedir é só clicar aqui, ó: https://www.skoob.com.br/estante/livros/todos/1091057 .

Sabe aqueles livros que a gente não faz nem de longe a mínima ideia de sobre o quê é a trama? Pois então, O Silo é bem isso aí.

“O que você faria se o mundo lá fora fosse fatal, se o ar que respira pudesse matá-lo? E se vivesse confinado em um lugar em que cada nascimento precisa ser precedido por uma morte, e uma escolha errada pode significar o fim de toda a humanidade? Essa é a história de Juliette. Esse é o mundo do Silo.

Em uma paisagem destruída e hostil, em um futuro ao qual poucos tiveram o azar de sobreviver, uma comunidade resiste, confinada em um gigantesco silo subterrâneo. Lá dentro, mulheres e homens vivem enclausurados, sob regulamentos estritos, cercados por segredos e mentiras.

Para continuar ali, eles precisam seguir as regras, mas há quem se recuse a fazer isso. Essas pessoas são as que ousam sonhar e ter esperança, e que contagiam os outros com seu otimismo.

Um crime cuja punição é simples e mortal.
Elas são levadas para o lado de fora.
Juliette é uma dessas pessoas.
E talvez seja a última.”

O livro se passa no futuro, e o que dá a entender é que aconteceu algo com o planeta que causou a situação de que os seres humanos vivam agora em silos e não mais na superfície como antes. O ar fora de onde vivem é tóxico, e quem quer que desobedeça as estritas regras impostas, é mandado para lá.

Silos na realidade são construções de metal destinadas geralmente à colocação de grãos, então eu imagino O Silo do livro algo parecido com a imagem logo aqui abaixo. Só que bem maior.

p_silo-para-graneis-solidos-19

A personagem principal chama-se Juliette. Ela trabalha nas profundezas da construção como mecânica, e depois de uma reviravolta acaba se tornando a xerife do lugar.

Uma função que de início seria impor as leis e controlar o local, acaba mostrando a ela que as tramas do poder são muito piores do que imaginaria. E então, de xerife a estória dá uma reviravolta colocando-a como criminosa, e condenada a conhecer o nada amigável exterior.

Porém, antes do revés ela conhece Lucas, um rapaz que via desenhando as estrelas todo o da de noite pelo vidro que revela a eles o lado de fora. Com poucas conversas meio empacadas eles acabam se ligando emocionalmente, e pode ser que tenhamos um casalsinho no livro.

O que os dois descobrem dia a dia é que a verdade sobre o que as coisas realmente são, se encontra escondida profundamente em uma pilha de mentiras impostas pelos governantes do Silo. Nada é o que parece, absolutamente.

Cada “verdade” colocada ao leitor no início da leitura lentamente desmorona com as constatações de Lucas e Juliette. Nesse ponto eles já estão separados pelas circunstâncias e o que cada um descobre, vai se encaixando como num quebra-cabeças.

Gente, pensa num livro que me sufocou do início ao fim. Se tem algo que o Silo me mostrou foi que deveríamos repensar o que estamos fazendo com o nosso planeta ou é bem possível que num futuro a realidade espelhe a literatura, e nossos descendentes tenham que viver na terrível circunstância narrada aqui.

Imagina passar toda uma vida em um lugar fechado, fadado a pedir ao governo para se casar, para ter filhos e etc e tal. É essa a realidade que lemos. Dá uma certa aflição.

Dá vontade de ir comendo as páginas na medida que a trama se desenrola. Algumas passagens são absolutamente aterradoras e te fazem soltar aquele ar que nem tinha percebido que havia segurado. (Não é mentira, não. Deem uma olhadinha na classificação dele no skoob pra ver)

Por fim, preciso dizer que há mais dois livros após ele, que são A Ordem e O Legado. Assim que lê-los, vocês já sabem: serão resenhados aqui.

Espero que tenham gostado.

Beijinhos =*

E até a próxima.

Lista de comentário

  • Cris 17 / 11 / 2016 Reply

    Adooorei conhecer essa trama! Deu gostinho de quero mais…

    • Binha Cibelle 18 / 11 / 2016 Reply

      Já tô com vontade de devorar o outro amiga rs ]
      Bgda viu.
      Bjus

Deixe uma resposta