Uma Pequena Grande Reflexão

10 de março de 2018

Oi mis amores, em especial as mulheres! Quinta foi nosso dia garotas!! Parabéns para nós!!(Atrasado mas ok♡♡) O post de hoje é um pouco diferente, é mais uma espécie de “desabafo”, espero que gostem!

O mundo, não é de hoje, é uma coisa incrível, cheio de culturas para serem conhecidas, compreendidas e aperfeiçoadas. Eu, particularmente, amo a cultura oriental e tudo nela, em especial a japonesa. Amo como a historia do Japão é rica em ensinamentos para a vida. Mesmo sendo cristã, amo ler coisas sobre o Budismo. É uma religião linda (algumas pessoas consideram uma filosofia de vida como o vegetarianismo ou veganismo, mas, eu vejo como uma religião). Também amo ver como os costumes deles são diferentes dos nos nossos, é surpreendente saber que o nosso mundo não se limita à nossa casa, à cidade, estado, ou país em que vivemos. Há pessoas muito diferentes lá fora, e eu amo ver como tudo isso funciona. Nosso planeta me fascina.

Entretanto, infelizmente, algumas (muitas) pessoas não aceitam isso e acabam julgando, perseguindo, e até fazendo mal para essas pessoas diferentes dos nossos costumes. Isso é terrível, além de a questão de falta de respeito, ainda é um abuso com o próximo que também é um ser humano. A sociologia chama isso de etnocentrismo. Mas eu, sinceramente, penso que isso é apenas uma pura falta de interesse pela cultura alheia. Claro que existem aquelas pessoas que tem dificuldades em entender os costumes dos outros, as vezes até por uma questão religiosa. Nós que moramos aqui no ocidente, usamos biquínis fio dental etc nos dias de sol para ir à praia ou ao clube. Mas há algumas religiões que nunca usariam uma coisa dessas, principalmente mulheres. Seria complicado explicar para essas pessoas este fato. Mas aí já é uma questão de religião, e na maioria dos casos (mesmo que haja um preconceito e etc), não são essas pessoas que causam problemas. As pessoas que geralmente causam problemas são aquelas que não tem um pingo de interesse em entender a cabeça do próximo. Hoje em dia, a maior parte da humanidade tem o mundo nas mãos (internet) e não tem o interesse de tirar uma hora do dia para aprender um pouco sobre o planeta onde mora, e nem sobre as pessoas que vivem nele também.

Conhecimento é tudo na vida. “Uma mente que abre uma janela, nunca mais volta ao seu tamanho original” – Albert Einstein. A internet é considerada a janela do mundo; vamos abrir essas janelas, vamos expandir nossos horizontes; é tão bom quando finalmente entendemos uma coisa que nos era tão absurda; nos surpreendemos tanto descobrindo coisas novas. Imagina se não houvessem pessoas com fome pelo conhecimento, nos teríamos a internet? Teríamos pelo menos luz elétrica? E se não houvessem grandes pensadores, teríamos a filosofia? Teríamos culturas para aprender? Precisamos ter mais fome por conhecimento, precisamos ter mais fome de conhecer o mundo, as culturas, as pessoas, como funcionam as coisas. Já se perguntaram como surgiu a internet que você está usando agora mesmo para ler este post? Vamos aproveitar que foi dia das mulheres e nos perguntar, “porque um dia da mulher? Porque foi preciso a criação desse dia?”.

Termino esse post com essas perguntas; pesquisem e me contem a reação de vocês aqui nos comentários!

Espero que tenham gostado do post de hoje, e que eu tenha conseguido fazer vocês refletirem a respeito!! Um beijo, e até a próxima 😚

Deixe seu comentário


1 Comentário

  • Sou super curiosa em relação a novas culturas, principalmente sobre sua mitologia. O mundo seria um lugar muito melhor se todos tivessem ao menos a vontade de entender a cultura alheia. Não é preciso adota-la para si. Mas é preciso respeitar. E nada melhor do que conhecer para entender o motivo dos outros.

    Ótimo post!
    Feliz dia da mulher!!!!